O Dia Mundial a Saúde em tempos de pandemia da Covid-19

O objetivo da data é conscientização a respeito da importância da preservação da vida para uma melhor qualidade de vida.

De acordo com a OMS, à saúde é um estado completo de bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade.

Anualmente, a Organização Mundial da Saúde elege um tema que representa uma prioridade na agenda internacional do órgão para ser discutido ao longo do ano. Esse ano, o tema escolhido foi “Construindo um mundo mais justo e saudável”.

O tema foi acertadamente escolhido pela OMS para a mobilização mundial em torno do combate a desigualdade que impera globalmente. Como bem reforçado pelo órgão na divulgação da campanha, a pandemia da COVID-19 foi capaz de mostrar de forma muito clara como algumas pessoas conseguem ter mais acesso a serviços de saúde do que outras e as razões para essa desigualdade estão nas condições de nascimento, vida, trabalho e envelhecimento.

O objetivo da OMS é alertar a todos que há uma grande parte da população mundial sofrendo graves consequências da renda precária, das péssimas condições de trabalho e educação, da falta de oportunidades de profissionalização e trabalho e da violação de direitos de gênero. O alerta também vale para o fato de que a impossibilidade de convivência em ambientes seguros, com acesso a água limpa, ar puro, segurança alimentar e serviços de saúde, causa sofrimento desnecessário, vez que tais circunstâncias de vida provocam doenças evitáveis e mortes prematuras, prejudicando, com consequência, nossas sociedades e economias.

É de se destacar também que a COVID-19 chegou a todos os países do mundo, e da mesma forma se apresentou em todos eles: como uma grave doença. Mas, depois de 1 ano de pandemia, a OMS ressalta ser possível notar que seu impacto foi mais severo nas comunidades que já eram vulneráveis, que estão mais expostas à doença, com menor probabilidade de ter acesso a serviços de saúde de qualidade e maior probabilidade de sofrer consequências adversas como resultado das medidas implementadas para conter a pandemia.

Esse cenário é de nítida injustiça, ainda mais se considerarmos que é absolutamente evitável!

Autoridades e líderes mundiais precisam tomar providências urgentes que garantam a todos condições de vida e trabalho que favoreçam uma boa saúde. Para tanto, é de fundamental importância o monitoramento de todas essas desigualdades no acesso à saúde de qualidade como forma de garantir que todos tenham acesso ao serviço sempre que necessitarem, onde estiverem.

A Constituição Brasileira assegura a todos o direito à saúde, em seu artigo 196. Não devemos abrir mão de direitos conquistados com muito esforço.

#CompartilheSeusDireitos #DireitoÀSaúde #DiaMundialDaSaúde

Referências: OMS

Por Melissa Areal Pires

07/4/2021

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s